Rádio Educadora FM 93,7 Bragança-Pará
Rádio Rosário FM 106,7 Bragança-Pará

Caeté vence o primeiro Bracaé da história

1

A Sociedade Esportiva Caeté largou na frente no histórico confronto diante do Bragantino Clube do Pará pela 7ª rodada do Campeonato Paraense de profissionais 2022, promovido pela Federação Paraense de Futebol (FPF). O clássico teve duas denominações: “Clássico da Farinha” dito pela TV Liberal e “Bracaé” sugerido através de enquete no programa Na Marca do Pênalti, da Rádio Educadora de Bragança.

O setor de marketing do Caeté promoveu a distribuição de saquinhos de farinha para os torcedores que entraram no Estádio Diogão. Conforme o protocolo publicado pela FPF contra a Covid-19, os torcedores do Bragantino não puderam acessar ao estádio com bandeiras, camisas, bonés ou qualquer produto que fizesse referência ao clube, uma vez que, o mandante da partida foi o Caeté.

O público superou o da partida entre Bragantino e Remo disputado no dia 16 de fevereiro passado.

1

O Caeté não contou com o meio campista Genilson, suspenso por 3 cartões amarelos. O Bragantino esteve com todo o elenco a disposição do técnico Rogerinho Gameleira.

O Caeté foi objetivo dentro de campo, imprimiu maior velocidade e com forte marcação neutralizou as investidas do Bragantino. Aos 38 minutos, o atacante Silvio invadiu a área e foi derrubado pelo zagueiro Mateus Vila, pênalti marcado pelo árbitro. O atacante Joel cobrou rasteiro no canto esquerdo do goleiro Valentim para a vibração da galera do “Guerreiro Caeteuara”, 1 x 0.

1

Na etapa final, novamente o atacante Joel escorou um cruzamento vindo de uma cobrança de lateral e mandou de cabeça a bola para as redes fazendo 2 x 0 para o Caeté. Joel assumiu a artilharia do Parazão com 5 gols. O Bragantino descontou nos acréscimos com o atacante Walker.

Placar final: Caeté 2, Bragantino 1.

Com a vitória, o Caeté assumiu a liderança do Grupo C com 13 pontos, superando o Clube do Remo no critério de número de vitórias, 4 contra 3; o terceiro colocado é o Independente com 11 e o Castanhal aparece em última posição com 10 pontos.

A Sociedade Esportiva Caeté jogou e venceu com Artur Júnior, Dieguinho (Murilo), Ígor João, Carciano e PC Timborana; Tárcio, Geovane (Yure), Keoma (Léo Silva) e Junior Araujo (Rafinha); Joel e Silvio (Anderson Tanque); técnico Josué Teixeira. Receberam cartão amarelo Artur Júnior, Ígor João e Junior Araujo.

O Bragantino perdeu com Valentim, Davi Caça-Rato, Mateus Vila, Rony Taperaçú e Hercules; Guly, Léo Caeté, Emerson Bacas (Walker) e Mateus Sabiá; Biriba, Raí Tales e Arian Taperaçú (Bruno Benício); técnico Rogerinho Gameleira. Cartão amarelo para Mateus Vila, Guly e Mateus Sabiá.

Arbitragem de Raimundo Gilson Gonçalves de Brito, Lucival da Silva Brito, José Jacenir Gonçalves de Brito e Cleonildo de Miranda Barros, ambos da FPF.

Renda e público não foram fornecidos.



1

Após a partida o técnico Rogerinho não conversou com a imprensa e rescindiu contrato com a diretoria do Bragantino. O ex-jogador Bode Zé, membro da comissão técnica irá provisoriamente assumir o comando do grupo até a final da primeira fase do Parazão.

O Caeté perdeu o goleiro titular, Artur Junior recebeu proposta de um clube de Brasília e viajou na madrugada desta segunda-feira (21). O goleiro Deco Júnior deve assumir a posição.

Próximos jogos: Sábado dia 26, às 15:30h no Diogão, Bragantino x Independente. No mesmo dia e horário, Tuna e Caeté no Estádio Francisco Vasques (Belém).

Reportagem - Jota Bahia
Fotos - Maycon Ribeiro
Lido 152 vezes

A Fundação

A Fundação Educadora de Comunicação é constituída por duas rádios, a Educadora AM (1390) e FM (106,7), uma emissora de TV (canal 30) e um site. Tem por objetivo promover para o povo bragantino uma programação que enaltece a educação, cultura, esporte e evangelização. São 58 anos evoluindo e inovando. (+)

 

Boletim

Deixe seu e-mail para ser avisado em primeira mão sobre novas notícias: