Nunca é tarde para trilhar o caminho da verdade

Caríssimos ouvintes...

 

Finalmente chegamos ao último dia do mês de julho de 1985, e nada melhor para fechar o mês, do que abordarmos hoje, aqui em nosso comentário, a vida do SANTO DO DIA, ou seja, SANTO INÁCIO DE LOIOLA. O santo do qual falamos, nasceu em Loiola, região basca da Espanha no ano de 1491, INIGO ou INÁCIO, nasceu rico no castelo de Loiola, recebeu a TONSURA, isto quando ainda era jovem, mas, ainda assim, foi servir como PAJEM da côrte, esquecendo-se da vida religiosa.

Ele falou certa vez que: até os 26 anos, foi entregue as vaidades do mundo e sobretudo, comprazia-se no exercício das armas... Mas como sempre Deus tem seus planos ainda que pareçam-nos cruéis, não os enredemos. Certo dia em uma batalha no cerco da fortaleza de Pamplona, Loiola tombou atingido na perna por um projétil, isto no ano de 1516. Durante sua convalescença, Loiola encontrou o caminho de Deus.

Para ocupar o seu tempo, Loiola pediu para ler livros que falassem de guerras, batalhas, lutas ou coisas desse gênero, já que este era o seu forte, mas o hospital não dispunha de livros desta espécie e sim somente sobre a vida dos Santos. Talvez sem outra saída, Loiola começou a lê-los e despertou. Dizem os historiadores que Loiola se comparou com aqueles Santos e disse que também poderia ser igual a eles. Foi este o começo da nova vida para aquele que antigamente era um guerreiro. Loiola deixou de lado todas as mordomias e passou a buscar o Reino de Deus e conseguiu.

A sua morte ocorreu no dia 31 de julho de 1556, quando tinha precisamente 65 anos de idade. Sua canonização deu-se em 1622. Loiola foi uma força que mexeu com o mundo inteiro e até no Brasil tivemos seus sinais, pois Manoel Nóbrega e José de Anchieta, foram uns dos seus muitos discípulos. Hoje, em nossos dias só nos resta seguirmos os passos de Santo Inácio de Loiola e acima de tudo, olharmos seu exemplo de que nunca é tarde para começar a trilhar o caminho da verdade.

 

Celso Leite em 3 de julho de 1985

Lido 39 vezes

Acompanhe @f_educadora no Instagram

A Fundação

A Fundação Educadora de Comunicação é constituída por duas rádios, a Educadora AM (1390) e FM (106,7), uma emissora de TV (canal 30) e um site. Tem por objetivo promover para o povo bragantino uma programação que enaltece a educação, cultura, esporte e evangelização. São 58 anos evoluindo e inovando. (+)

 

Boletim

Deixe seu e-mail para ser avisado em primeira mão sobre novas notícias: