Bragantino e Paysandu decidem no Diogão a vaga na semifinal da Copa Verde

Bragantino e Lobo se enfrentaram na noite desta quarta-feira (11) no Mangueirão pelas quartas de final da Copa Verde. O primeiro tempo foi devagar, a equipe bicolor apesar de ter tido mais posse de bola conseguiu criar apenas uma chance clara de gol. O segundo tempo foi mais dinâmico, a equipe bicolor ainda desestabilizada mostrou desequilíbrio emocional cometendo muitas faltas, 4 jogadores foram expulsos da partida.

Na etapa inicial, logo no primeiro minuto a bola sobrou pra Thiago Primão que mandou na rede pelo lado de fora, um susto para o torcedor do Tubarão do Caeté logo no inicio da partida. Aos 37, Elielton conseguiu furar o bloqueio do Braga, a bola caiu no pé do Vinícius Leite totalmente sem marcação que chutou em cima do goleiro Axel.

No segundo tempo, aos 14 minutos, saiu o primeiro gol do jogo, Elielton invadiu a grande área do Braga, chutou, a bola bateu no peito do goleiro Axel e caiu no pé do Nicolas que entregou para o Primão que não desperdiçou a oportunidade, Paysandu 1 x 0 Bragantino.

Aos 21 minutos, Mauro Ajuruteua invadiu a área do Paysandu, chutou mas a bola explodiu na trave, a jogada teve continuidade quando no rebote bateu no zagueiro Micael do Paysandu e o gol contra foi marcado, Paysandu 1 x 1 Bragantino.

Paysandu e Bragantino se enfrentam na próxima quarta-feira (18), as 15 horas, no Diogão em Bragança pra decidir qual das duas equipes disputará a semifinal da Copa Verde. O empate em 1 x 1 não dá a nenhuma das equipes vantagem para o jogo de volta, não existe mais gol qualificado na Copa Verde, somente a vitória interessa. Um novo empate fará com que a vaga seja definida nos pênaltis.

 

Paysandu – Giovany; Bruno Oliveira, Micael (Willian), Caíque Oliveira e Bruno Collaço; Léo Baiano, Welinton Reis e Tiago Primão (Wesley Pacheco); Vinícius Leite, Hígor Silva e Nícolas. Técnico Hélio dos Anjos.

Bragantino – Axel; Bruno Limão (Levy), Romário, Gabriel Gonçalves e Esquerdinha; Paulo de Tarcio, Lukinha (Kaique), Rafinha (Arian Taperaçu) e Marco Goiano; Bilau e Mauro Ajuruteua. Técnico Robson Melo.

A arbitragem foi de Rodrigo da Fonseca Silva com a assistência de Fábio Rodrigo Rubinho e Eduardo Teodoro Rodrigues. O 4º árbitro, Olivaldo da Silva Moradei.

Reportagem – Marcelle Pires com informações do globoesporte.com

Lido 322 vezes

Acompanhe @f_educadora no Instagram

A Fundação

A Fundação Educadora de Comunicação é constituída por duas rádios, a Educadora AM (1390) e FM (106,7), uma emissora de TV (canal 30) e um site. Tem por objetivo promover para o povo bragantino uma programação que enaltece a educação, cultura, esporte e evangelização. São 58 anos evoluindo e inovando. (+)

 

Boletim

Deixe seu e-mail para ser avisado em primeira mão sobre novas notícias: