Imprimir esta página

Dom Jesus Maria faz aniversário

1

O Bispo diocesano de Bragança do Pará, Dom Jesus Maria Cizaurre Berdonces, nascido em Valtierra na Espanha no dia 6 de janeiro de 1952, completa nesta quarta-feira, 6 de janeiro de 2021, 69 anos de vida.

Dom Jesus foi o terceiro prelado e o primeiro bispo de Cametá designado pelo Papa João Paulo II, em 23 de fevereiro de 2000. 
Sua vida sacerdotal começou em 26 de junho de 1976 quando foi ordenado padre. No dia 12 de janeiro de 1977 veio para o Brasil sendo missionário por 13 anos na Prelazia do Marajó. No período de 1994 até 1997 ocupou a função de Superior e Pároco na Comunidade de São José de Queluz, em Belém. Foi também administrador apostólico da Diocese de Marabá, limite territorial com a Prelazia de Cametá .

No dia 17 de agosto de 2016, o Papa Francisco o transferiu para a Diocese de Bragança. 
Em 2019 durante celebração no Ginásio de Esportes Dom Eliseu Maria Coroli (Bragança-Pa), ordenou Dom Manoel de Oliveira Soares Filho, atual bispo da Diocese de Palmeira dos Índios, no Estado de Alagoas. Antes, Dom Jesus havia ordenado em 2013 o Bispo da Diocese de Abaetetuba, Dom José Maria Chaves dos Reis.

No dia 8 de outubro de 2020, Dom Jesus Maria foi internado no Hospital do Coração em Belém-Pa para ser submetido a uma cirurgia cardíaca e implante de duas pontes de safena e uma mamária. Após a cirurgia, foi diagnosticado um quadro de Acidente Vascular Cerebral (AVC). Após 48 dias internado, o bispo recebeu alta no dia 24 de novembro do mesmo ano, permanecendo em Belém até o presente momento na Casa Paroquial dos frades de sua congregação, Agostinianos Recoletos. 
O sacerdote evoluiu bastante e enviou mensagem de natal e fim ano através de vídeo a todos os bragantinos, padres e diocesanos de Bragança.

Neste dia 6 de janeiro de 2021, a Diocese de Bragança-Pa publicou em sua página e nas redes sociais um banner de felicitações pela passagem do natalício do Pastor pedindo a Deus que abençoe seu caminho, lhe concedendo saúde e felicidades.


1

Reportagem - Jota Bahia
Lido 136 vezes