Aglomeração pode causar aumento de casos de Covid em Bragança

1

Os resultados negativos das aglomerações podem estar impactando na transmissão do novo coronavírus em Bragança. A curva de transmissão, que desde agosto de 2020 estava controlada, voltou a subir nesse mês de março de 2021. Os hospitais credenciados voltaram a registrar maior movimentação de pessoas se queixando de sintomas da doença que já matou em menos de duas semanas 14 pessoas no município contabilizando em um ano 132 óbitos, 3.294 infectados e com recuperação de 2.834.

1

A elevação na taxa de transmissão é um sinal de alerta, porque mostra que Bragança deixou de melhorar nesse indicador. Apesar da proibição do funcionamento de bares, restaurantes, arenas e eventos festivos, os dados de isolamento mostram que houve aumento de pessoas nas ruas, filas nos bancos e casas lotéricas. A liberação do auxílio emergencial provocou filas nas agências do Banpará e Caixa Econômica e nem todos cumpriram o devido distanciamento, uso de álcool 70 e máscaras como parte das medidas protetivas.

Os reflexos foram sentidos com o aumento da procura por atendimento nas unidades de saúde e nos hospitais Santo Antônio, Geral e Clínicas.

Reportagem - Jota Bahia
Fotos - Maycon Ribeiro
Lido 84 vezes

Acompanhe @f_educadora no Instagram

A Fundação

A Fundação Educadora de Comunicação é constituída por duas rádios, a Educadora AM (1390) e FM (106,7), uma emissora de TV (canal 30) e um site. Tem por objetivo promover para o povo bragantino uma programação que enaltece a educação, cultura, esporte e evangelização. São 58 anos evoluindo e inovando. (+)

 

Boletim

Deixe seu e-mail para ser avisado em primeira mão sobre novas notícias: