Menina de cinco anos é vitima de estupro em Bragança

Uma criança do sexo feminino foi vítima de estupro de vulnerável na noite desta quarta-feira (31), no bairro Alto Paraíso em Bragança. O principal acusado, Luan Quadros da Silva (22 anos), vulgo "doidão", pai da vítima.

De acordo com informações repassadas pela família, Luan havia saído com a filha para comprar "skilho", só que ao invés de ir ao mercadinho seguiu para o mato com a criança. 

Familiares só perceberam o ocorrido quando viram a menina sangrando e chorando, e a levaram a um hospital da cidade onde a menina relatou o acontecido.

A foto do acusado foi amplamente divulgada nas redes sociais e as Polícias Civil e Militar iniciaram as buscas ao suspeito. Ainda na mesma noite, a família de Luan o entregou na Delegacia de Polícia Civil de Bragança.

A genitora do acusado alegou que o filho sofre problemas psicológicos e que ele não tem controle de si em determinadas situações, e o crime de estupro teria sido ocasionado por esses problemas. A versão não convenceu as autoridades policiais.

A criança foi submetida a uma série de exames e está sendo acompanhada psicologicamente. De acordo com o médico, ela sofreu hemorragia interna mas está reagindo bem ao tratamento e em breve receberá alta.

Luan Quadros segue preso e está a disposição da justiça.

Reportagem - Fabrício Bragança
Foto - Divulgação

Lido 339 vezes

Acompanhe @f_educadora no Instagram

A Fundação

A Fundação Educadora de Comunicação é constituída por duas rádios, a Educadora AM (1390) e FM (106,7), uma emissora de TV (canal 30) e um site. Tem por objetivo promover para o povo bragantino uma programação que enaltece a educação, cultura, esporte e evangelização. São 58 anos evoluindo e inovando. (+)

 

Boletim

Deixe seu e-mail para ser avisado em primeira mão sobre novas notícias: